Aminoácidos

Nossos quelatos são formados por amino-grupos podendo ser formado de 2 a 6 aminogrupos dependendo do metal e sua ligação covalente formando uma substancia estável e uniforme conforme a sua Valencia.

 

Como se formam os Quelatos

– O Quelato se forma entre um mineral “Traços” e um “Agente Quelato”. O agente quelação (chamado de ligante), deve ser capaz de ligar o metal em mais do que um ponto, de forma que o átomo metal se torne parte de um anel.

– O termo Quelato, deriva de “tenaz ou pinça” de uma lagosta. Imagine uma pequena bola segura pelos dedos polegares e indicadores de uma mão.

– O peso do quelato não pode ultrapassar de 800 daltons.

 

Funções dos Aminoácidos 

Acido Aspártico

Converter a quantidade de amoníaco do sangue em uréia, sendo usado no tratamento de disfunções cefálicas, hipercolesterol e hiperamonemia, associada com o sistema cárdio – respiratório.

Acido Glutâmico

Importante para formação dos tecidos, principalmente do cérebro, promovendo seu equilíbrio. Estimula o processo oxidativo e reduz o nível de amônia no sangue. Restaurando também o equílibrio na anemia do excesso de cloreto de sódio.

Alanina

Possibilita o transporte de metais quelatizados, preparados dentro do fígado e promove a decomposição dos aminoácidos após terem atingido o seu transporte.

Arginina

Aumenta, assim como ácido aspártico, a quantidade de uréia no organismo, diminuindo a quantidade de amônia no sangue, injetada na forma livre de aminoácidos, aumenta a secreção de hormônios naturais no sangue elevando o nível de insulina. Reduz o tamanho de tumores malignos e provoca um aumento da quantidade de esperma, bem como amplia a fertilidade dos reprodutores.

Cisteina

Agente desintoxicante, além de fornecer proteção contra os raios gama a radiação solar constante. Atua no tratamento de bronquites respiratórias, tendo propriedade de diminuir a viscosidade de secreção da mucosa.

Fenilalanina

Anti – inflamatório e anti – depressivo, que melhora o ânimo do animal.

Glicínia

Atua na prevenção de manutenção das membranas gástricas, facilitando imediatamente a biodisponibilidade do rume. Proporciona o desenvolvimento rápido de um novilho precoce. Eficaz no comportamento calmo do animal, além de ser importante fator de cura das cólicas causadas por intoxicações alimentares diversas.

Histidina

Poderoso vaso dilatador e estimulador da secreção gástrica e da formação do rume. Tranquilizador dos movimentos da musculatura, sendo também um constituinte da Carmosina, substância esta formadora original do músculo, e que têm ação marcante no desenvolvimento do animal. Impede a anemia e é eficaz na proteção da parede do estômago, prevenindo o aparecimento de úlcera gástrica.

Tirosina

Anti – depressivo que atua também na circulação, controlando funções cardiovasculares equilibrando a pressão do animal.

Triptofano

Tranquiliza o sono do animal. É eficaz nas desintoxicações de ordem alimentar.

Prolina

Modifica a formação estrutural dos colágenos para satisfazer as necessidades específicas de tecidos conjuntivos no animal precoce.

Isoleucina

Mantém o equilíbrio do nitrogênio, refletindo no decréscimo de proteína muscular com o conseqüente aumento de peso precocemente.

Leucina

Incentiva o fornecimento de energia (ATP). Faz parte da composição dos músculos, nos quais incentiva a síntese da proteína, auxiliando no crescimento de animais e dando vida às proteínas formadoras de novos músculos.

Metionina

Age no tratamento de desequilíbrio hepático de qualquer ordem. Atua como agente desintoxicante contra envenenamentos provocados por arsênio, clorofórmio, tetracloreto de carbono e derivados de benzêno. Melhora expressivamente o tratamento da uremia.

Serina

Responsável pela formação do tecido conjuntivo e da cadeia onde haja necessidade de grupo HO. Transporta rapidamente, atrávez do fígado, as vitaminas e sais minerais para a circulação sanguínea.

Lisina

Agente cicatrizante, impede o desenvolvimento de feridas provocadas por fungos ou bactérias e ajuda a manter o pêlo liso e lustroso.

Hidroxiprolina

Por interação, dá origem à estrutura quaternária, ou seja, formando dímeros e trímeros, que possuem especial importância no funcionamento de proteínas e enzimas transformadoras. É responsável pela beleza e realce dos pêlos, providenciando o transporte até as extremidades dos tecidos.

Treonina

Aumenta resistência nas doenças. Acelera a cicatrização de feridas. Fortalece o tecido conjuntivo para obter tendões e ligamentos mais saudáveis, ativando a síntese de proteínas do crescimento muscular e formação de massa. Reduz o teor de uréia no sangue na uremia, além de ativar a liberação do hormônio do crescimento (GH), para se obter ganho de peso precocemente.

Valina

Corrige o equilíbrio do Nitrogênio refletindo no decréscimo de proteína muscular. Principal característica: incentivar ganho de peso pelo desenvolvimento do hormônio do crescimento (GH).